Mesmo com altos investimentos vindo da Microsoft e de outras empresas, a CyanogenMod anunciou nesta sexta-feira (24), o fim do desenvolvimento e da empresa responsável pela alternativa ao Android.

“Como parte da consolidação em curso da Cyanogen, todos os serviços e builds nightly suportadas pelo Cyanogen serão descontinuados até 31/12/2016. O projeto de código aberto e o código fonte continuarão disponíveis para qualquer um que queira desenvolver o CyanogenMod pessoalmente.”

E agora, o que muda com o fim da CyanogenMod?

Na realidade, a CyanogenMod não chegou completamente ao fim, isso por que os desenvolvedores oficiais vão deixar com que terceiros continuem seu desenvolvimento, isto é, qualquer desenvolvedor poderá criar atualizações para a Cyanogen.

O que muda na verdade, é que não existirá mais a empresa que administra a Cyanogen. Recentemente, rumores apontaram investimentos milionários da Microsoft na Cyanogen, mas ao que parece, esses rumores podem ser desmentidos com o fim da companhia, uma vez que, com estes investimentos, a Cyanogen teria mais flexibilidade para se expandir.

O que é foi a CyanogenMod?

A CyanogenMod é uma ROM alternativa para o Android que surgiu com o alto índice de travamentos em smartphones, devido as ROMs modificadas por companhias como a Samsung.

Com a Cyanogen, Smartphones ficam mais rápidos e sem travamentos indevidos para funções básicas, e este foi o motivo do sucesso. O que diferenciou a Cyanogen das demais ROMs disponíveis para Android, é a flexibilidade de suporte para vários dispositivos, tornando-a praticamente Universal.

Recentemente, surgiram boatos de que a CyanogenMod, uma das ROMs customizadas mais populares do Android, mudaria de nome para LineageOS. O projeto sucessor da Cyanogen já teria até repositório no GitHub e tópico oficial no Reddit. Por enquanto, não há nenhuma confirmação oficial sobre a mudança.