O The Verge, um dos principais sites de notícias da atualidade Microsoft resolveu dar o primeiro passo ao revelar o que há por dentro do Hololens, óculos de realidade aumentada utilizando Hologramas desenvolvido pela Microsoft.

Tom Warren que é responsável por publicar notícias sobre o mundo da Microsoft no The Verge se mostrou empolgado ao descobrir o que havia dentro da Tecnologia e revelou;

“Quando eu tenteitirar uma foto do HoloLens da Microsoft no ano passado, guardas de segurança estavam alinhados as paredes de um hotel, e eu tive que esconder todos os meus pertences no armário antes de eu sequer colocasse os pés perto de la. A Microsoft foi ‘petrificando’ alguém que tentasse tirar uma foto do dispositivo, o que poderia ajudar empresas rivais a apanhar detalhes sobre a Tecnoogia. Avançamos um ano e muita coisa mudou. A Microsoft está distribuindo o HoloLens em sua edição de desenvolvimento de aplicativo e os desenvolvedores de jogos, e está pronto para dar ao mundo um olhar muito atento para o óculos de realidade aumentada. Eu tive a chance de olhar exatamente como é por dentro do HoloLens do Microsoft, e a empresa forneceu-me com todas as partes de HoloLens em uma tabela — até mesmo os parafusos que seguram o dispositivo, todos juntos. Aqui está um olhar mais atento a todos os minúsculos componentes HoloLens que possibilitam a Star Wars, como hologramas em sua própria sala.”

Hololens hololens desmontado: conheça o óculos de realidade aumentada por dentro
Foto: Vjeran Pavic – Reprodução: The Verge

O Hololens é bastante diferente dos óculos de Realidade Virtual como o Oculus Rift e HTC Vive. Ao contrário desses, o Hololens acompanha um ‘computador’ com Windows 10 em sua cabeça, o que torna ele  produtivo para diversos tipos de tarefas. Além disso, o aparelho trabalha com Hologramas, criando um mundo imenso de novas possibilidades para diversas áreas de atuação como a Medicina e Engenharias da vida, como por exemplo a Engenharia Aeronáutica.

Hololens hololens desmontado: conheça o óculos de realidade aumentada por dentro
Foto: Vjeran Pavic – Reprodução: The Verge

“A magia do HoloLens acontece com uma combinação de lentes holográficas transparentes, uma matriz de sensores e o processamento necessário para entender seus gestos, olhar, voz e o ambiente ao seu redor. É tentador compará-lo com o trabalho que Google fez com o seu ‘projeto de vidro’, mas o HoloLens está a tentando algo diferente e sinto-me mais imersiva como resultado. Este aparelho entende os objetos em sua sala de estar, e projeta hologramas em seus olhos que não brincam em serviço. Eu joguei um jogo chamado Conker e o esquilo, literalmente, subiu em uma mesa de café e atravessou travesseiros. Realmente senti que às vezes, Conker estava no quarto comigo.”

Uma parte muito importante do HoloLens é a câmera de sensoriamento de profundidade que fica acima da viseira na parte frontal do dispositivo. É essencialmente uma versão em miniatura da câmara Kinect, que precisa apenas deum décimo do poder, apresentado no Kinect e parece ser uma câmera normal olhando pelo lado de fora. “Isso é projetado e desenvolvido pela Microsoft,” explica Ori Amiga da Microsoft, que trabalha no Hololens durante anos. Como você está gesticulando ao redor com os dedos, a câmara de profundidade percebe exatamente onde está a sua mão, e se você está usando a sua mão esquerda ou direita.

Hololens hololens desmontado: conheça o óculos de realidade aumentada por dentro
Foto: Vjeran Pavic – Reprodução: The Verge
Hololens hololens desmontado: conheça o óculos de realidade aumentada por dentro
Foto: Vjeran Pavic – Reprodução: The Verge

Câmeras do Hololens ‘sentem’ o mundo ao seu redor

A câmera de sensoriamento de profundidade trabalha em conjunto com duas câmeras de “compreensão do ambiente” que estão em ambos os lados do HoloLens. Também existem câmeras do lado de fora do aparelho, mas são usados para capturar o mundo ao seu redor e ajuda HoloLens a entender onde suas paredes e a ‘mesa de café’ estão. Há também uma câmera de 2 megapixels na frente habilitando assim gravar exatamente o que você vê com os hologramas incluídos. A Microsoft chama essa captura de realidade mista, e é uma divertida maneira de gravar o que você vê com os hologramas que estão sendo projetados para sua sala de estar. É visível que muita gente vai se divertir compartilhando vídeos com seus hologramas para o Facebook e Twitter.

Hololens hololens desmontado: conheça o óculos de realidade aumentada por dentro
Foto: Vjeran Pavic – Reprodução: The Verge

As câmeras ajudam o HoloLens a ‘enxergar’, mas a verdadeira magia é como os hologramas são projetados em sua visão. O sistema de ótica do HoloLens é composto de lentes transparentes holográficas, em que a Microsoft batizou de ‘guias’ que usam um sistema de projeção óptica para feixe hologramados em seus olhos. Ao remover as viseiras, o Hololens se parece com um simples óculos de grau, e é fácil imaginar um futuro onde só estes óculos serão utilizados. Enquanto smartphones tradicionais exibem sua tela em pixels, a Microsoft está contando com pontos de luz para aumentar a resolução do HoloLens e o número de pontos de luz por radiando para densidade. Essencialmente, mais radiandos e pontos de luz resulta em hologramas são mais brilhantes e com projeções mais ricas. Estes hologramas brilhantes e ricos são projetados e sacudidos como partículas de luz (fótons) através de guias de onda junto aos seus olhos.

O Som espacial é uma das funções que mais impressionam no Hololens

Dentre as partes finais do HoloLens está o ‘som espacial’. Ele funciona através de dois alto-falantes que são posicionados acima de suas orelhas, como você usa em um fone de ouvido. Aplicativos e jogos podem tirar proveito disso para fazer parecer que eles estão atrás de você em vez de ter que carregar elementos visuais para fazer você se virar aos ‘inimigos’ (caso esteja em um jogo). “Surpreende-me só como isso funciona” – afirma Tom Warren. “Parece que você está usando fones de ouvido, mas você não está”. Mesmo no volume máximo, é difícil para os outros à sua volta escutem o que você está ouvindo, então isso não vai irritar às pessoas próximas de você. Você pode ajustar o volume no lado e não precisa  de nenhum fone de ouvido ou Headset para obter o mesmo efeito espacial.

A Microsoft está distribuído todo esse hardware para desenvolvedores por US$3.000, equivalente a R$11.100 na atual cotação do dólar e sem impostos e taxas cobrados pelo governo brasileiro e importação, caso não seja produzido no Brasil. A gigante do software não está discutindo exatamente quando os consumidores poderão experimentar o HoloLens, mas é provável que o hardware final será diferente do que vemos neste artigo, já que ele sofreu várias modificações no intervalo de um ano. A Microsoft levou vários anos para encolher toda essa tecnologia em uma ‘pequena’ unidade para que você possa usar em sua cabeça, e talvez com o tempo, encolha mais ainda. Os desenvolvedores irão agora moldar o futuro do HoloLens e sua experiência e talvez até seu hardware. Este é apenas o começo para o HoloLens, e a Microsoft espera mais do que um futuro de pessoas utilizando sua tecnologia, mas sim um futuro de produtividade com uma tecnologia incrível.

Confira a galeria completa do Hololens e suas peças internas: