A empresa Nubank anunciou no início desta semana, que não fará mais parte da loja de aplicativos do Windows Phone e, consequentemente do Windows 10 Mobile.

O Nubank tomou a decisão diante do cenário “proposto” pela própria dona do sistema, a Microsoft, que não oferece mais suporte ao Windows Phone.

Windows 10 Mobile windows 10 mobile
Imagem: Reprodução de e-mail enviado do Nubank para usuários do Windows Phone nesta semana, informando sobre retirada de aplicativo da loja.

Não ficou claro se o Windows 10 Mobile também ‘perderá’ o Nubank. No entanto, o Nubank não tem aplicativo Universal na loja do Windows – o chamado “UWP”. Portanto, a retirada do aplicativo para o Windows Phone pode implicar diretamente na loja do Windows 10 Mobile.

  • Leia notícias relacionadas ao Nubank;

Mercado Livre Experience apresentou inovação e lançamento de novos serviços

No final de Setembro, outro aplicativo importante anunciou sua saída da plataforma móvel da Microsoft. O WeChat também não participa mais da loja de aplicativos do sistema.

Até onde vai o Windows 10 Mobile?

Perdendo grande parte dos principais aplicativos do Brasil e do mundo, o Windows 10 Mobile pode chegar ao ápice mais rápido do que esperávamos.

O sistema não tem sequer lançamentos de OEM’s. O desinteresse caiu drasticamente desde que a Microsoft demonstrou desinteresse em sua própria plataforma.

Além disso, o cenário não visa nenhum outro smartphone da Microsoft com Windows 10 Mobile para os próximos anos. Sendo assim, a Microsoft está matando o seu próprio sistema móvel.

No entanto, acredita-se que a companhia está investindo em um smartphone complexo, capaz de rodar o Windows 10 Pro, mesmo sistema para computadores e tablets conversíveis.

A ideia, seguindo o exposto, é remodelar o mercado de smartphones.