Project Ara

O Project Ara, primeiro conceito de smartphones modulares do Google está chegando; segundo o Google, os primeiros smartphones modulares chegarão aos desenvolvedores até o final do ano de 2016.

O Google explicou que os novos telefones do Project Ara farão a diferença para o consumidor, já que os aparelhos contrariam totalmente o aparelho originalmente lançado, tornando possível a customização de diversos recursos. Indiscutivelmente, os smartphones do Project Ara se mostram os mais ambiciosos desde o lançamento do iPhone original.

Project Ara project ara chegará para desenvolvedores ainda em 2016

Recursos para o Project Ara

Além do termo que já conhecíamos sobre os novos smartphones do Google – que seriam aparelhos modulares com expansão para módulos de câmera e outros sensores – a empresa apresentou uma lista de módulos que já estarão disponíveis no lançamento dos primeiros smartphones modulares;

  • Um display separado para notificações ou informações de hora/data, temperatura, umidade e vários outros recursos.
  • Módulos de câmera com lentes diferentes e/ou sensores
  • Matrizes de alto-falante e microfone
  • Um kickstand
  • Módulo programável sensível ao toque
  • Módulos funcionais ‘estilo’
  • Leitor de impressão digital

Diferente do apresentado inicialmente pelo Google, o Project Ara é menos modular do que se esperava, o que pode ser corrigido com o tempo. A exposição, processador, memória RAM e armazenamento são bloqueados pelo moldura. O Google ainda não finalizou quais serão as especificações exatas, embora saibamos que o tamanho da tela de um dos smartphones é de 5,3 polegadas.

Alguns módulos também agora são padronizados, ou seja, você pode conectar qualquer módulo em qualquer slot, enquanto ele permita o encaixe. Isso deve ajudar a impedir que os consumidores tenham problemas com módulos de diversos tamanhos.

Existem seis slots de módulos no total e os módulos vêm em 1 × 2 retangulares, ou 2 × 2 quadrados. No vídeo acima, o Google mostra uma variedade de módulos.

E você, leitor? O que espera sobre o Project Ara? Comente abaixo;