Hoje acordamos e nos deparamos com o Facebook prontinho para sua nova função, às reações em publicações utilizando emoticons. Os botões de reações são classificados com o popular Curtir, Amei, Haha, Uau, Triste e Grr (uma forma inteligente para não causar mais intriga).

reações do facebook 'reações' do facebook e 3º guerra mundial
Imagem: Divulgação/Facebook

Apesar de ser uma ótima ideia e proporcionar algo mais interessante na rede social, a nova interação para curtir publicações pode ser o ponto “X” para Guerras e intrigas, já que agora é possível “Não gostar” de situações.

Imagine o quanto as pessoas discutem em situações adversas como a troca de opiniões? Pois é. Agora coloque isso misturado à ocasião de uma pessoa utilizando o emoticon “Grr”! Vai ser explosivo. Pessoas atirando palavras agressivas para todos os lados, fotos e publicações sendo provocadas pelo famoso substituto do “Não gostei!”.

Lançadas em outubro, as alternativas ao “curtir” eram testadas em sete países (Espanha, Irlanda, Chile, Portugal, Filipinas, Japão e Colômbia). Quando surgiram, eram seis e não cinco “reações”. Antes da expansão mundial, o Facebook eliminou o “Yay”, um emoji com funções parecidas com as do “Haha”. “Não tinha apelo”, explica Sammy. “Nós temos uma comunidade global e gostaríamos que todo mundo se sentisse confortável em usar essas ‘reações’.” O lançamento ocorre para todo o mundo.

Assim como já houve a exclusão de uma “reação”, a inclusão de novas não é descartada. “Uma vez que o mundo inteiro tiver acesso, nós vamos aprender como estão usando e vamos procurar as pessoas e perguntar como podem melhorar”, diz Sammy, comentando que as funções de um botão “não curti” podem ser desempenhadas pelos novos botões “Triste” e “Grr”. – FONTE: G1

O sucesso das novas reações foi imediato. Celebridades como o jogador de Futebol Ronaldinho Gaúcho mostrou que realmente gostou das reações e ainda deu uma sugestão para o Facebook para adicionar uma reação em seu nome.

reações do facebook 'reações' do facebook e 3º guerra mundial
Imagem: Reprodução/Facebook

3º Guerra Mundial?

Há quem diga que a Terceira Guerra começaria através da internet, ou que seria uma guerra Cyber nética. O Facebook acaba de dar asas aos maiores e variados tipos de intrigas, e essas reações vão deixar muita gente irritada. Mas claro! Estávamos realmente precisando disso, vai ser muito útil para celebrar momentos e publicações e em último caso, criar intriga alheia. O título “3º Guerra Mundial” foi apenas subjetivo.