casa para gatos

O principal buscador chinês – o Baidu – está pensando no conforto dos gatos. A companhia construiu uma casa especial para os felinos, que consegue identificar invasores, se auto-aquecer e até oferecer comida e água para o bichinho de estimação.

casa para gatos
Imagem: Reprodução Baidu – Projeto de casa inteligente para gatos

A ideia começou com uma interessante análise da companhia sobre os gatos e o inverno. Na China, a temperatura nesta época do ano pode cair em até -9º Celsius. Segundo a empresa, cerca de 40% dos gatos de rua não suportam temperaturas baixas e acabam morrendo.

Por outro lado, ainda que haja conforto para a maior parte dos gatos que convivem com seus donos em residências, o frio ainda deixa o animal bastante nocivo à queda de temperatura.

Pensando nesse frio, a casa tem um sistema simples de aquecimento interno, deixando o animal completamente confortável e preparado para o frio.

Na casa feita com inteligência artificial do Baidu, o dono também pode acompanhar o felino através do smartphones, graças às câmeras instaladas dentro do “abrigo”. Isso também facilita vigiar os gatos que gostam de sair por aí durante a noite.

Mas a melhor parte desse sistema de vigilância, é que ele também é capaz de identificar e escanear o rosto do gato ‘dono do pedaço’. Desta forma, não há espaço para cães no recinto.

Acredite! Se um cachorro passar na porta e não for identificado pelo sensor, a porta fecha automaticamente, impossibilitando a entrada de invasores.

casa para gatos
Gif divulgado pelo Baidu mostra que, ao passar pela porta e ser identificado, ela abre e o gato consegue ter acesso ao abrigo.

Reconhecimento facial e dificuldades do projeto

Embora o reconhecimento facial esteja ali para identificar possíveis invasores e tornar a vida do gatinho mais fácil, a equipe de desenvolvimento anda com problemas para deixá-lo mais preciso.

Isso acontece por que os gatos não são como os humanos que identificam um sistema do tipo e fixam o rosto frente ao sensor para identificá-los. Muito pelo contrário, os gatos apenas andam rumo ao seu objetivo, sem se preocupar com esse tipo de tecnologia que está ali para ajudá-lo.

casa para gatos
Imagem: Baidu – No GIF acima, câmera com sensor facial mostra gato se aproximando, mas também exibe dificuldade em captar o rosto do felino.

A inteligência artificial e o reconhecimento de doenças

Segundo o Baidu, o sistema de inteligência artificial da casinha para gatos é capaz de identificar até 174 tipos diferentes de felinos. As câmeras instaladas também são equipadas com visão noturna, exatamente para permitir a entrada e saída de gatos que queiram andar por aí de noite.

Além de aquecer e controlar as entradas e saídas dos gatos de forma automática, o sistema também é capaz de reconhecer, através do comportamento e aparência dos gatos, quatro tipos comuns de doenças, incluindo estomatite, doença de pele e lesões externas que possam provocá-las.

Ainda não há informações sobre a disponibilidade do projeto.