Início Site

Opinião: Apple continua tímida e precisa inovar

iPhone 11

O lançamento dos novos iPhones foi muito comentado durante a semana e chegou a produzir muitos memes na internet, devido ao conjunto de lentes que foi comparado com fogão e até máquina de barbear. Em meio aos memes, opiniões e críticas também são encontradas pelos canais e redes sociais e muitas delas revelam uma timidez jamais vista na Apple para inovação tecnológica em seus smartphones.

A maçã parece ter se perdido em um tempo onde dominava o cenário por apresentar uma solução mais fluída, rápida e premium. No entanto, os smartphones Android, sobretudo de marcas como a Samsung, Huawei e a Xiaomi inovaram muito nos últimos anos, causando uma necessidade de inovação constante, principalmente para a disputa acirrada de mercado.

Mercado é, inclusive, algo que a Apple entende muito bem, mas as suas vendas vem caindo gradativamente, lançamento após lançamento, e provavelmente isso tem relação direta com o fato de que a Apple deixou seu espírito de pioneira na construção de smartphones modernos de lado.

Podemos relacionar para as mudanças entre o iPhone 6 e o iPhone 11 Pro. Naquela época, a Apple chamou atenção por uma revolução no design do aparelho e um novo conjunto de câmera. Logo em seguida, praticamente repetiu o iPhone 6 na versão posterior, aumentando o tamanho e atualizando seu hardware e suas lentes. A companhia novamente adotou a mesma estratégia para o iPhone 8, mas criou variações que surpreenderam o mercado, juntamente com a revolução do notch. No entanto, nada disso foi muito agradável ao consumidor, que espera cada vez mais da Apple.

Nesse mesmo tempo, por exemplo, a Samsung lançava o Galaxy S7 e muita coisa mudou entre o S7 e os novos aparelhos de 2019, os Galaxy S10, S10e, S10+ e Note 10/10 Plus. Grandes inovações vieram na tela, nas câmeras, nos sensores, sobretudo de impressão digital e também na construção dos aparelhos. Na Apple, isso até aconteceu, mas de forma lenta e gradual. Até pouco tempo, por exemplo, os smartphones da Apple não contavam com proteção IP68, algo que já existia nos smartphones da Samsung, sendo o primeiro deles o Galaxy S5.

Para o lançamento do iPhone 11, os holofotes miravam a Apple a espera de uma grande evolução em sua linha de smartphones, se comparado com os anteriores, mas pouca coisa mudou. De praxe, a versão do processador e o hardware, algo que comumente está presente nas inovações da Apple. No entanto, faltou algo novo na tela, uma construção mais elegante de lentes e um pouco mais de exclusividade criativa, algo que é fundamental no mercado para atrair clientes.

De todos os rumores sobre os novos iPhones, até mesmo a construção do aparelho foi confirmada de acordo com imagens que já haviam saído nos veículos de imprensa há alguns meses. Além da frustração com o lançamento de recursos que já são bastante conhecidos no mercado e tratados como “novidade” pela Apple, ainda há aquela decepção em saber que os aparelhos chegaram exatamente como se esperava.

Nessa perspectiva e em uma crítica necessária, entendemos que a Apple precisa inovar. Grande parte dos clientes trocam seus smartphones por que querem inovações, assim como acontece com a Samsung e demais marcas. Com a Apple, os clientes são ainda mais fiéis escolhendo sempre versões posteriores de novos iPhones. Caso a companhia não comece a enxergar inovações exclusivas e fugir um pouco das normativas do mercado, a tendência é que os iPhones comecem a durar mais tempo em prateleiras.

iPhone 11 e memes: internet brinca com novo lançamento da Apple

iPhone 11

A Apple lançou nesta terça-feira (10), a mais nova versão da linha de smartphones iPhone, o iPhone 11. A internet não poupou memes quando se trata do design dos aparelhos. Alguns usuários fizeram comparações do iPhone 11 com fogão de cozinha, aparelho para aparar barba e telefones antigos.

Nós separamos alguns desses memes diretamente do Twitter, onde o lançamento da Apple se tornou um dos assuntos mais falados do dia. Confira abaixo nossa seleção;

MP1 … MP2… MP3… MP4… MP20… iPhone 11

O iPhone 11 pode ter várias utilidades. Utilize-o para empreender

Os Simpsons continuam prevendo o futuro (ou o presente)

Não pensado somente como um smartphone

Por essa a Brastemp não esperava

O iPhone 11 seria uma inspiração?

HAHAHAHA

Será que o bilhete premiado vem na caixinha?

Bom, é isso! Alguns outros memes podem ser encontrados por aí! Nós ainda estamos preparando um artigo sobre as novas tecnologias e novas informações sobre o novo smartphone da Apple.

Mas por enquanto, já sabemos que ele pode servir como base para cozinhar, fazer a barba, se transformar em um meme criado e voltar às origens.

Aplicativo oficial do Rock in Rio 2019 já está disponível

Rock in Rio 2019

Entre 27 de setembro e 6 de outubro, acontece o maior festival de música do mundo, o Rock in Rio. Pensando em facilitar a experiência de quem vai ao festival, a organização do evento disponibilizou um aplicativo para Android e iOS, com conteúdos sobre os shows, agendas, previsão do tempo na cidade do rock e outras funções que ainda estão em desenvolvimento.

rock in rio 2019
Imagem: Reprodução aplicativo Rock in Rio 2019

O aplicativo mostra um pouco sobre os artistas que subirão aos palcos do evento e você também pode explorar os artistas que você não conhece, utilizando a opção do Spotify integrada ao app.

A função mais esperada e que foi organizada recentemente, trás todos os horários dos shows e apresentações do Rock in Rio 2019 para todos os palcos do festival. No Palco Mundo, por exemplo, há shows a partir das 18:00.

rock in rio 2019
Imagem: Reprodução – Aplicativo do Rock in Rio exibe informações sobre os artistas.

O aplicativo foi desenvolvido pela “Rock World”, em parceria com o festival. A desenvolvedora também disponibilizou o aplicativo “RiR Go”, que integra funções de realidade virtual à experiência no festival.

Para baixar o Rock in Rio 2019, clique aqui se o seu sistema é Android ou aqui se é o iOS. Para baixar o RiR Go, acesse por aqui para Android e aqui para iOS.

Xiaomi Redmi Note 8 Pro: o 1º smartphone com câmera de 64 megapixels

Redmi apresenta o Note 8 Pro: veja o 1º smartphone com câmera de 64 megapixels
Reprodução: Canaltech

A busca por smartphones cada vez mais poderosos em relação à câmera parece um compromisso sério entre as fabricantes, sobretudo a Xiaomi. A exemplo disso, está o novo lançamento da subsidiária Redmi da companhia chinesa e seu mais novo Note 8 Pro, com câmera de 64 megapixels, pioneiro no mercado de cameraphones.

Vale ressaltar que megapixels não diz tudo e é necessário um bom conjunto de lentes para agradar o usuário. No entanto, a Xiaomi parece mesmo comprometida com a qualidade das fotografias e isso também pode ser confirmado por alguns detalhes desse novo aparelho.

O Redmi Note 8 e Note 8 Pro

A chinesa optou por lançar duas variantes do Redmi Note 8. A versão ante o Pro tem um processador Snapdragon 665 e um chipset de oito núcleos Kryo 260, sendo quatro deles rodando em 2,2 GHz e outros quatro núcleos rodando em 1,8 GHz – e a versão Pro, com processador Helio G90T.

Na versão Note 8, a câmera tem 48 MP, como alguns outros modelos do mercado, incluindo da marca Xiaomi. Essa câmera de 48 megapixels embarca um sensor ISOCELL GM2 da Samsung. Deste conjunto, há uma lente grande angular de 8MP, uma de sensor macro com 2 MP e uma de profundidade, também com 2 megapixels. Na câmera frontal, são 13 MegaPixels. Por outro lado, na versão Pro, são 64 MP com sensor Samsung ISOCELL GW1 e o chamado “tecnologia de pixel binning”,.

Na traseira, o modelo também embarca quatro câmeras, sendo a única diferença no sensor principal, que vai de 48 para 64MP. Na câmera frontal, Xiaomi Redmi Note 8 Pro tem um sensor de 20 megapixels com recursos da IA.

tecnologia  xiaomi redmi
(Imagem: Divulgação/Redmi) Reprodução: CanalTech

A tela do modelo mais simples tem 6,3 polegadas e tecnologia LCD, com resolução 1980p (Full HD). A bateria é constituída de 4.000 mAh e tem tecnologia de carregamento rápido. O Redmi Note 8 Pro tem uma tela de 6,35 polegadas e também embarca a tecnologia LCD com tela de Full HD.

Há algumas variantes do Redmi Note 8. Serão três cores; preto, branco e azul, sendo uma com 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno, com preço de US$ 140 ou aproximadamente R$ 580 e outras duas variantes de 6 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno, com valor de US$ 167 ou R$696 e 6GB com 128 GB por US$ 195 ou R$ 810 na atual cotação do dólar.

tecnologia  xiaomi redmi
(Imagem: Divulgação/Redmi) Reprodução: CanalTech

Também disponibilizado nas três cores comuns do Redmi Note 8, o Pro terá duas versões; uma de 6 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno, com preço sugerido de US$ 195 ou R$ 810 e a outra versão de 8 GB de RAM com 128 GB armazenamento interno, com valores de US$ 250 ou R$ 1.038.

Brasil tem população de 210 milhões, diz estimativa do IBGE

Ciência Estimativa da população do Brasil passa de 210 milhões, diz IBGE
Imagem: Reprodução Correio do Povo

Foi divulgado, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), novas estimativas da população brasileira. Segundo o órgão, os dados coletados tendo como referência 1º de julho de 2019, indicam uma população total de 210.147.125 (duzentos e dez milhões, cento e quarenta e sete mil, cento e vinte cinco pessoas).

No ano passado, essa mesma métrica indicou uma população de aproximadamente 208 milhões até o 1º de julho de 2018, indicando um crescimento populacional de 1.652.225 pessoas entre julho de 2018 e 2019. A maior parte da população brasileira se situa no estado de São Paulo, com aproximadamente 46 milhões de habitantes. São Paulo também teve o maior crescimento de população entre o ano passado e este ano, totalizando 0,83%, acima da média de crescimento nacional, que foi de 0,79%.

Minas Gerais, que tem uma população estimada em 21.168.791 pessoas, segue como o segundo estado com a maior população do Brasil. Por outro lado, o estado de Roraima continua sendo o menos populoso, com cerca de 600 mil habitantes.

Os novos dados foram publicados no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (28).

Sony deixou de produzir o PlayStation no Brasil há 2 anos

Playstation
Imagem: Playstation

Errata – Publicamos, baseando em fontes externas, que a Sony deixaria de produzir os produtos da linha PlayStation no Brasil. No entanto, após a publicação, a assessoria de imprensa da companhia procurou o TecStudio e nos informou que, na verdade, a produção foi finalizada há dois anos;

“Após o anúncio da redução de preços de nossos produtos, alguns veículos acabaram associando o fato da PlayStation não fabricar mais no País com a redução do IPI, mas a empresa deixou de produzir localmente já há dois anos, não tendo nenhuma relação com a iniciativa do Governo. “

Contribuindo para que as informações sempre sejam tratadas de modo correto e verdadeiro, o TecStudio reitera que está à disposição para correção de dados e informações inverídicas.

Atualizado em 27/08/2019

Novos preços após reajustes da Sony;

  • PlayStation 4: de R$ 2599 por R$ 2399
  • PlayStation 4 Pro: de R$ 2999 por R$ 2799
  • PlayStation VR headset: de R$ 2799 por R$ 2599
  • Controle wireless Dualshock 4 (Preto): de R$ 259 por R$ 249
  • Controle wireless Dualshock 4 (outras cores): de R$ 279 por R$ 269

Intel Comet Lake: A outra parte da 10ª geração de processadores Intel é anunciada

Tecnologia Intel Comet Lake são os novos processadores da 10ª geração de chips Core

A Intel anunciou a segunda parte da décima geração de processadores Intel Core nesta quarta-feira (21). Os novos processadores seguem a linha Intel Core i3, i5 e i7 nomeados de “Comet Lake”, de séries U e Y. A linha Comet Lake se integra aos processadores Ice Lake, anunciados no início do mês.

Diferentemente dos chips Ice Like, a Intel não desenvolveu a linha Comet Lake com litografia de 10 nanômetros. Ao invés disso, a companhia optou pela tecnologia de 14 nanômetros. Segundo rumores, a Intel trás uma versão mais otimizada dessa tecnologia.

Intel Comet Lake: Reprodução Intel Corporation

A nova linha Comet Lake trás processadores de até seis núcleos e 12 threads, com frequência máxima de 4,9 GHz, GPU integrada com tecnologia 4K (Intel UHD Graphics) e TDP que varia entre 4.5W, 5.5W, 7W, 9W, 15W e 25W.

Chama a atenção os modelos de baixo consumo, mas assim como a linha Ice Lake, os processadores Comet Like foram desenvolvidos pensando em Ultrabooks e Notebooks. Esses processadores também se adequam à tecnologia DDR4 de até 2.666 MHz.

Confira a tabela dos processadores (fonte: Tecnoblog);

Série UNúcleos / ThreadsClock (GHz)Cache (MB)Gráficos (EUs) Clock máx. gráficos (GHz)TDP
Core i7-10710U6 / 121,1 / máx. 4,712UHD (24)1,1515-25 W
Core i7-10510U4 / 81,8 / máx. 4,98UHD (24)1,1515-25 W
Core i5-10210U4 / 81,6 / máx. 4,26UHD (24)1,115-25 W
Core i3-10110U2 / 42,1 / máx. 4,14UHD (23)115-25 W
Série YNúcleos / ThreadsClock (GHz)Cache (MB)Gráficos (EUs) Clock máx. gráficos (GHz)TDP
Core i7-10510Y 4 / 81,2 / máx. 4,58UHD (24)1,154,5-9 W
Core i5-10310Y4 / 81,1 / máx. 4,16UHD (24)1,055,5-9 W
Core i5-10210Y4 / 81 / máx. 46UHD (24)1,054,5-9 W
Core i3-10110Y2 / 41 / máx. 44UHD (24)15,5-9 W

Bitcoin alcança valor aproximado de US$11 mil e recua em seguida

Tecnologia Preço do Bitcoin chega próximo dos US$11 mil e recua nesta manhã

A moeda virtual mais famosa do mundo continua em grande oscilação. No início da semana, o bitcoin seguiu a tendência de valorização, conforme a semana passada. No entanto, na manhã desta terça-feira (20), a moeda sofreu desvalorização após correção.

No final da noite de segunda, a moeda se aproximou aos US$11 mil de valorização, alcançando exatos US$10.929. Isso significa que cada bitcoin chegou a valer o equivalente à 11 mil dólares, conforme o indicador “Coinmarketcap“.

Na manhã desta terça-feira, a moeda sofreu uma baixa e reduziu o seu valor para US$10.661. Embora seja pequena, isso mostra a oscilação constante de bitcoins e o quanto isso pode ser importante para o mercado que investe nesse tipo de moeda.

Se você se interessa por bitcoins, aprenda a ganhá-los bitcoins de forma fácil.

Veja as novidades 7º beta do iOS 13

Tecnologia Veja o que mudou no 7º beta do iOS 13

Lançado para desenvolvedores, o 7º beta do iOS 13 já está disponível para download. As principais novidades são estéticas e há também correções de bugs. Foi liberado também a 6º versão do iOS 13 para o consumidor final, na última quinta-feira (15).

Confira o que há de novo na nova atualização do iOS;

veja as novidades 7º beta do ios 13
Imagem: Blog do iPhone

No aplicativo Buscar (que substitui o Buscar Amigos e Buscar Meu iPhone) aparece agora uma opção para ajudar outra pessoa que perdeu seu iPhone a acessar o iCloud pelo seu aparelho. Na verdade é um link para a página direta do iCloud, abrindo o Safari.

Tecnologia  2   Modo Escuro finalmente traduzido

veja as novidades 7º beta do ios 13

Neste beta a Apple finalmente traduziu para o português o dark mode como Modo Escuro. Até então aparecia no beta o termo “Aparência Escura”, que é pouco usado para esta função.

Tecnologia  3   Opção de remetente bloqueado no Mail

veja as novidades 7º beta do ios 13

Nos ajustes do app Mail aparece agora algumas opções do que fazer quando se recebe um e-mail de um usuário bloqueado.

Tecnologia  4   Visualização de fotos

veja as novidades 7º beta do ios 13

Ao visualizar “Todas as Fotos” no app Fotos, o iOS 13 mostra 3 colunas e não mais 5, permitindo uma melhor visualização.

Tecnologia  5   “A volta dos que não foram”

veja as novidades 7º beta do ios 13

Mais uma vez algumas mudanças que apareceram em betas anteriores foram retiradas no 7º beta (o que é normal em versões de teste).

Tinha um bug chato que fazia o menu de copiar/colar aparecer em todo lugar que se tocasse a tela com três dedos, mesmo quando não havia nenhum campo de texto para colar e copiar nada. Isso deixou irritado quem usa jogos que precisam da interação de três dedos, ou até mesmo no GarageBand, ao tocar piano. Isso foi arrumado neste beta.

Outro ponto melhorado foi a localização do menu “Reorganizar Apps” ao fazer um toque longo sobre o ícone de um aplicativo. Ele agora não fica mais perto do dedo, pois pela lógica as funções do app serão usadas mais seguidamente do que a de reorganização dos ícones.

Outro ponto que parece ainda estar em experimentação pelos engenheiros da Apple é a cor das pastas de aplicativos na tela inicial. No beta anterior, as pastas tentaram ficar mais transparentes, mas agora voltaram ao que eram antes.

veja as novidades 7º beta do ios 13

Texto: Adaptação blog do iphone

WhatsApp terá idade mínima de 13 anos; quem não cumprir requisito será banido

Whatsapp

Visando aumentar a segurança no aplicativo, o WhatsApp vai começar a exigir idade mínima para a utilização de seus serviços, é o que informa o site especializado em novidades sobre o WhatsApp, WABEtainfo.

A imposição de idade será de a partir de 13 anos para os países da América, Ásia, Oceania e África. Para os países da Europa, a restrição começa ante aos 16 anos. Ainda segundo o WABEtainfo, menores de 13 anos não poderão criar uma conta no aplicativo.

Os que já possuem conta, serão banidos automaticamente caso não estejam de acordo com as novas normas. A medida tem o propósito de evitar que crianças tenham acesso ao serviço de conversas, atenuando, principalmente, casos de pedofilia que geralmente começam através dos serviços de mensagens instantâneas.

Essa restrição já virá na atualização 2.19.222 e deve sair primeiramente para o iOS. O Android deve recebê-la mais tarde. Em relação ao Windows Phone, o sistema não deve receber novas atualizações do WhatsApp, que inclusive, está abandonando a plataforma.